Abrindo uma conta no banco (agora foi!)

/

Depois de três idas ao banco pra abrir a conta, tinha que dar certo, né? Já tava achando que era uma grande pegadinha.

Após a primeira tentativa fracassada de abrir minha simples conta de estudante, fui na escola causar (mentira, fui educada e falei baixinho) pra tentar obter uma solução. Disseram que postariam minha carta de novo.

E de fato, ela foi postada. Mas, novamente sem A PORRA DO CARIMBO DO CORREIO.

Mandei e-mail pra escola na hora reclamando... e o funcionário me respondeu logo em seguida, dizendo pra eu levar a carta do PPS que eles aceitavam.

Fui pra aula ontem, e na saída, passei no banco. Qual a minha surpresa em levar outro "não" na cara, que não podiam aceitar aquela carta pois ela não tinha nenhuma data?! Detalhe: eu recebi dois envelopes do PPS - um que continha o cartão (o que levei pro banco) e outro com um documento que apenas mostrava o número do PPS. Adivinha qual eles aceitariam no banco pra abrir a conta? Pois é, o envelope que eu não levei, claro.

Como eu já tinha andado de ônibus nesse dia (e com o cartão do Dublin Bus, pegou um ônibus pode pegar ônibus infinitamente nessas 24 horas), voltei pra casa, peguei o tal envelope e voltei no banco.

Quando cheguei na fila de atendimento, uma moça veio até mim e perguntou o quê eu queria. Expliquei que queria abrir conta de estudante. Ela pegou meus envelopes e passaporte, reclamou que não tinha carimbo do correio neles, mas me entregou o formulário de solicitação de abertura de conta mesmo assim. YES!

Preenchi o formulário (simples: nome, endereço, telefone, informações da escola) e aguardei na fila pra ser chamada novamente. Em poucos segundos fui atendida. E sabe qual é o final da história? Ele não reclamou do envelope da carta da escola não ter carimbo e nem pediu pra ver a carta do PPS. Ironia, não te curto.

ps: agora é esperar até duas semanas (prazo dado pelo funcionário, mas conheço gente que recebeu em uma) o cartão e senha chegarem.
Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top