Pedalando

/

Tenho andado de bicicleta nas duas últimas semanas e já deu pra pegar um pouquinho da ginga pelas ruas da cidade. 

Da minha casa até o trabalho tem ciclovia 90% do caminho, o que é ótimo por me dar maior segurança de poder ir no meu ritmo sem medo de ter algum ônibus gigante atrás de mim. Sim, eu acabo cruzando diversos cruzamentos (não diga?!) e no começo me deu um pouco de medo porque tem que prestar atenção se o carro ao seu lado vai virar à esquerda e se os carros na direção contrária vão virar à direita. Depois dos primeiros dias eu acabei acostumando, mas às vezes, na avenida próxima de onde trabalho, eu desço da bicicleta e atravesso andando. 

Já pedalei no sol, no calor, na garoa, na chuva e no vento. 

Sol e calor: não, obrigada. Ainda bem que foram apenas uns 4 dias!

Garoa: é bem ok. Se você estiver usando capa de chuva com a touca e o capacete, a cabeça não molha muito. Dá pra pedalar no mesmo ritmo de que você pedalaria no tempo seco. Na chuva mais pesada só pedalei duas vezes - logicamente você se molha inteiro, não enxerga direito por causa da chuva na cara e tem que reduzir a velocidade, já que o tempo de resposta do freio é maior e a possibilidade de você escorregar também. 

Acho que não me incomodo tanto com o fato de me molhar porque no meu trabalho não importa muito se estarei bonita ou não - fora que posso levar roupa extra na mochila se quiser.

Agora, pedalar no vento é foda. Você faz mais esforço e percorre distância menor.

Pra andar de bicicleta de maneira segura eu fiz questão de gastar todo meu dinheiro investir no equipamento necessário: capacete (caro, mas comprei um dos mais baratinhos), colete, luzes de sinalização e o cadeado (caro demais, mas é preciso), claro. Muita gente usa, muita gente não usa. Apesar de me sentir segura nas ruas, prefiro usar o colete e o capacete pra ser bem vista pelos motoristas e outros ciclistas. 

Andar de bicicleta tem me feito muito bem. Percebi que fico menos cansada no trajeto casa - trabalho e já notei mais rapidez na minha pedalada. Poder economizar com o ônibus e levar menos tempo do que o mesmo e fazer atividade fÍsica diariamente (40 minutos pra ir e 40 pra voltar) não tem preço!
Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top