Bicicletando há 2 meses*

/

*ERRATA: não sei de onde tirei esses dois meses! tô andando de bicicleta há UM MÊS aqui.

Dois meses andando de bicicleta pela cidade - pela cidade é exagero, é só o caminho casa-trabalho mesmo. Ainda assim, são 40 minutos de ida e 40 de volta, 14 km por dia. Sim, quatorze! Nem acreditei quando fui olhar no google maps. (mãe, tá vendo? 14 quilômetros!)

Muitas coisas já aconteceram nesses dois meses na minha vida de ciclista, mas o mais importante é que tô viva e inteira. Resumindo:

1) Quase atropelei uma moça que atravessou DO NADA perto da droga da Baggot Street. Ali sempre tem pedestre atravessando fora da faixa, então agora tô mais esperta nesse trecho do caminho;

2) Meu pneu tava meio vazio e peguei a bomba de encher o carrinho da minha chefe pra encher o pneu. Só que eu sou super esperta e experiente e acabei deixando sair mais ar do que encher o bendito. Resultado: pneu traseiro muito, muito murcho. Tive que levar a bicicleta numa bicicletaria perto da escola da É., que foi a única que lembrei na hora. Que sufoco carregá-la! Cheguei lá e o cara encheu pra mim, ufa!

3) Estava preparada pra sair pedalando quando o farol abriu na Harrold's Cross. Aí um filho da puta de um outro ciclista passou o sinal vermelho na descida e por centímetros não bateu em mim. Aliás, só não bateu mesmo porque eu vi ele descendo de canto de olho e tive tempo de virar o guidão. Ele disse um "sorry" todo sem graça e respondi "for fuck's sake!". Depois fiquei tão assustada que voltei chorando pra casa - se ele tivesse me pegado, teria sido um acidente feio;

4) Anteontem minha corrente ficou solta quando eu chegava no trabalho. Parei num gramado que tinha na calçada, deitei a bicicleta lá e fiquei olhando: como arrumar esse negócio?! Aí vi que tinha que colocar a mão na massa, quer dizer, na corrente. Com jeitinho, consegui arrumar. As mãos ficaram sujas de graxa, mas faz parte, né?

5) Ainda sinto dores nas pernas (e às vezes na barriga, tipo dor de abdominal), mas já não chego tão esbaforida no trabalho nem em casa. Me dá calor e ainda fico um pouco suada, mas agora que o frio tá chegando, tô achando uma delícia pedalar. O foda é sair de blusa e morrer de calor no caminho, que ódio! Odeio passar calor!

A sensação é essa

Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top