BrasileirAs e irlandesAs

/

[esse post foi escrito em agosto de 2014 e atualizado em janeiro de 2016]

Não tenho amigas irlandesas. Não frequento lugares onde poderia fazer algum tipo de amizade com as locais (no curso de alemão, por exemplo, eram todos estrangeiros, nenhum irlandês - quer dizer, somente homens irlandeses); no mestrado, só há uma irlandesa (os outros são homens) e ela já é uma senhora um pouco mais velha. Portanto, só falo do que vejo pela minha chefe, por conhecidas do R., por observações na rua, pelas mães dos coleguinhas dos meninos que cuido aqui na Irlanda.

Cabelo brasileiro X irlandês 


A grande diferença já começa pelo visual: a mulher brasileira gosta de cabelo longo, liso, solto. Quem nunca fez uma escova progressiva na vida, fala aí? A maioria das brasileiras que conheço tem esse perfil. As irlandesas no geral tem cabelo liso também, mas gostam de usar o tal do coque que chamo de "ninho de mafagafo" (não me leve a mal: acho coques lindos e chiques, mas não no topo da cabeça nem no volume que elas usam aqui). Elas também usam outros penteados - não vejo taaantas irlandesas com o cabelo solto somente.

cabelo irlandesas
Sim, elas usam!

Modo de se vestir


Brasileira adora uma calça jeans. Usa a maldita por dentro da bota de cano alto, usa muita sapatilha, tênis com jeans e tal. Já as irlandesas são adeptas das saias, vestidos, meias-calças e botinhas - estilo no qual me identifico e gosto bastante. Porém, algumas insistem no shorts cintura-alta-bunda-de-fora, calça de couro coladinha com top-cropped ou blusa de tricô por cima de um top.

Emprestada do blog da Bia: irlandesas e bunda de fora


A da esquerda: comum em adolescentes; a do meio, comum em baladas

Outra coisa que elas adoram é colarzão: acho alguns bem bonitos, mas outros exagerados, tipo esse da foto:



Tá rolando uma sandalinha agora no verão também - abertas ou fechadas, mais ou menos no estilo da foto abaixo. Essa eu acho até bonitinha, mas algumas usam com meia- e me desculpe, mas com meia não dá!


Maquiagem e unhas


Brasileira usa pouca maquiagem no dia-a-dia, quando usa. Já a irlandesa não sai de casa sem! Elas entopem a cara de maquiagem: base nada leve, muito rímel, delineador, batonzão. Até mesmo meninas novinhas usam cílios postiços, batons escuros, bronzeador em pó durante o dia! Acho muito exagero. O estilo de sobrancelha delas também é bem diferente: as irlandesas gostam de tê-las bem marcadas! Uma vez fui numa Urban Decay pra comprar um pó de preencher sobrancelhas e a vendedora ofereceu para me ensinar como fazia - bem, não preciso nem dizer que tive que pedir pra ela tirar depois, já que as minhas pobres e ralas sobrancelhas não pareciam mais ser minhas de tão cheias que ficaram.

Em relação aos hábitos esmaltísticos, as brasileiras gostam de tirar a cutícula e usar as unhas naturais (pintadas, mas naturais). Muitas vezes a brasileira opta por pintar de vermelho ou fazer francesinha - um estilo mais clássico, sabe? No entanto, as irlandesas costumam usar unhas postiças (é possível encontrar de todas as cores, formas e tamanhos nas lojas!) e cores extravagantes. Um parênteses: existem muitas brasileiras que trabalham como manicure aqui, mas como eu faço minhas próprias unhas, nunca precisei do serviço.

Uma vez ganhei um voucher da minha chefe pra fazer as unhas num salão todo chiquetoso e cool que tem em D2 (aproveite para ler o post-resenha que fiz sobre ele: Resenha: Tropical Popical Nail Salon). Aqui na Europa e nos EUA as manicures não tiram toda a cutícula - elas apenas limpam o excesso. Confesso que amei ter ido num salão aqui e as unhas de gel que fiz duraram meeeeses no meu pé.

Comportamento


Não sou muito de sair à noite, mas nas poucas vezes em que fui pra pubs, uma outra diferença entre brasileiras e irlandesas é notável: as irlandesas bebem muuuuuito mais que as brasileiras. Bebem de deixar qualquer um no chinelo - muitas acabam a noite de um jeito não muito bonito de se ver. Mas tudo bem, é a maneira que elas se divertem e a cultura da bebedeira é muito forte e normal por aqui.

Já em termos de atitude, percebo que há um pouco de "estrelismo" por parte das locais: um dia numa festa, ouvi uma irlandesa (e várias outras concordando), que se ela está saindo com um cara pela primeira vez, é obrigação dele pagar, pois "está saindo com ela". Não sei se a maioria das brasileiras é assim, mas pelo menos pelas minhas amigas próximas, o discurso é diferente.

Outro fator interessante é observar, no inverno, as mulheres indo pra balada: se estiver cobrindo as pernas, usando casaco e cachecol, é brasileira. Se estiver com as pernas de fora e/ou sem blusa, é irlandesa. Mesmo tremendo de frio, elas não se vestem pra se proteger do frio - estar bonita é prioridade!

Enfim, acho interessante e divertido ficar analisando as coisas em comum e as não-comuns entre brasileiras e irlandesas, porque não tem certo nem errado e uma das melhores coisas do intercâmbio é essa, a de não ligar muito se o outro faz X ou usa Y - são culturas diferentes. Viva a diversidade!
Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top