Uma vez professora, sempre professora

/

"Filha de peixe, peixinha é", mas no meu caso, "irmã de peixe, peixinha é", "prima de peixe, peixinha é", "sobrinha de peixe, peixinha é" e derivados.

Tem mó galera na família que é professor. De inglês especificamente, somente eu e o Cé.

No ano passado eu tava meio puta e fiz um post falando que tava cansada de ser professora. Mas isso logicamente era stress de final de semestre e alguns meses depois, me deu muita saudade de dar aula.

Sugeriram que eu oferecesse aulas de inglês aqui em Dublin. A princípio, não imaginei que as pessoas fossem querer - afinal de contas, eu sou só mais uma brasileira, e gringo é que é bom professor.

Anunciei aulas no grupo de Dublin no facebook e tive um bom retorno. Várias pessoas interessadas, mas quando eu falava o preço (que NÃO É ALTO, veja bem, praticamente metade do que eu cobraria no Brasil), as pessoas diziam que "iam ver". Algumas chegaram até a marcar aula, mas desmarcaram em cima da hora e desanimei.

Foi quando o pessoal aqui de casa resolveu que precisava de um reforço e começaram a fazer aula comigo, individualmente.

Logo depois, uma pessoa que havia me procurado antes no facebook voltou a me procurar pra fazer aulas de fato. E assim, tudo junto e misturado, me deparei com 4 alunos particulares.

Ah, como eu tava com saudade disso!

Não tive muitos alunos particulares na minha vida de professora porque sempre trabalhei muitas horas em escola e não sobrava tempo nem energia pra aula particular, mas os poucos que tive, foram marcantes. A K., que foi minha aluna por um tempão e que me encheu de orgulho quando foi morar na Austrália; a C., que fazia todos os exercícios, anotava tudo, perguntava e teve uma evolução absurda em 1 ano de aula; a A., que de odiar inglês passou a gostar do idioma; o T., que tinha sido meu aluno na Microcamp e me procurou pra fazer aulas muito tempo depois... I had fun!

Obrigada alunos, por fazer minha vida melhor!

Além das aulas de inglês, comecei a dar aula de português pra um italiano também. Essa história fica pra outro post...
Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top