Uma noite musical

/

Uma das minhas melhores noites aqui em Dublin aconteceu terça-feira passada.

Fui num pub chamado Doyle's, em frente ao Trinity College, logo na esquina. Toda terça-feira eles tem um negócio chamado "The Ruby Sessions" - 4 artistas diferentes tem 20 minutos pra apresentar músicas de seu repertório. Essas sessões existem há mais de 10 anos e o dinheiro arrecadado (6 euros a entrada) é doado a instituições.

Vários famosos irlandeses passaram por lá no início da carreira: The Frames, Damien Rice e Glen Hansard só pra citar uns exemplos. Ou seja, você vai sabendo que vai ouvir música de qualidade!



No geral, é uma pegada mais acústica, mais voz e violão, mas alguns artistas usam mais instrumentos também.

O bacana é que você nunca sabe quem estará lá - quer dizer, eles até anunciam no twitter, mas anunciam no dia, horas antes de começar. O elemento surpresa faz parte da experiência.

As sessões de música acontecem no segundo andar do pub, num lugar que tem uma pegada bem underground, grafite nas paredes e tal. Tem várias mesinhas, banquinhos e sofás pro pessoal ficar à vontade. Além disso, o ambiente é todo decorado com velas, e quando os artistas começam a se apresentar, as luzes se apagam (com exceção das luzes no palco, claro), então fica um clima bem intenso, bem legal. As pessoas que frequentam esse lugar vão justamente pra ouvir música boa, então ninguém fica conversando enquanto os caras estão tocando, fica todo mundo quietinho prestando atenção. É lindo.

As apresentações começaram com uma cantora que parecia a cantora italiana Arisa - óculos grandão, franjinha, roupas fofas. Gostei dela, mas não tocou meu coração.

Depois o Gentry Morris subiu no palco. E quando ele abriu a boca, eu derreti. Que voz! Que músicas lindas! Que sensação incrível ouvir esse cara tocar! Vale a pena e eu recomendo fortemente. Ele é americano e mora em Belfast, e veio pra Dublin na terça só pra fazer essa apresentação.



Na mesma noite ainda teve um outro cara muito bom também, mas que não fez meu coração bater mais forte (eu tava vidrada no Gentry). Por fim, uma dupla chamada Edisons, que tem uma pegada mais country que eu particularmente gosto MUITO, ou seja: saldo da noite foi muito positivo!



The Ruby Sessions foi uma das coisas relacionadas à música mais legais que já vi na vida. Dublin continua me surpreendendo!
Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top