O lugar de nome difícil

/

Os dias aqui tem sido muito ensolarados e segundo todo mundo, dia ensolarado na Irlanda é raridade (o que nesses quase 2 meses aqui me parece equivocado, porque mais fez sol do que choveu). De qualquer forma, pegamos o ônibus que passa aqui perto de casa e fomos pra Dun Laoghaire.

É, eu também não sabia ler esse nome. Como muitos nomes próprios por aqui, faço uma consultinha básica no google pra saber a pronúncia certa. Nesse caso, como ouvi muita gente falando o nome desse lugar, ficou fácil: lê-se Dun Leary.


45 minutos depois de pegar o ônibus, descemos no ponto final, de frente pra estação de DART (dá pra ir de trem pra lá também. Não sei o preço, mas certeza que é mais rápido). Ao lado, muitos barcos no porto. Fomos andando pela avenida e entramos numa espécie de calçadão - um calçadão enorme no meio do mar, com direito a farol e tudo. Muita gente caminhando, correndo, andando de bicicleta e levando o cachorro pra passear...

dun laoghaire


dun laoghaire


Andamos calmamente, apreciamos o mar, tiramos fotos, ameacei pular na água (aham), comemos nosso lanchinho no sol - que apesar de bem forte, não esquentou muito não, porque tava um vento bem gelado.



Resolvemos dar uma volta no centro. Tinha muita gente andando na rua e entramos no People's Park, onde tava rolando uma feira da comunidade, com diversas barraquinhas de comida e bebida, famílias sentadas na grama, brincando, aproveitando o dia ensolarado. Não ficamos lá porque estávamos bem cansados. Fomos no shopping, demos uma voltinha e logo pegamos o ônibus de volta pra "casa".

people's park


Honestamente, gostei mais do passeio em Malahaide. O castelo foi legal, a praia tava mais bonita, o dia mais ensolarado - apesar de mais frio. Masssss, Dun Laoghaire é bacana porque né, em poucos minutos você senta ali e aprecia o mar e o charme das lojinhas e tudo mais, então tá valendo a pena também.




Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top