Resenha: Dolce Sicily e seu cannolo dos deuses

/

Estou pra escrever sobre esse lugar há um tempão, desde a primeira vez que fui lá no início do ano. Dolce Sicily é um café tipicamente italiano na Dawson Street que vende o melhor canolo que já comi na vida!

Na verdade, eu tava meio na dúvida se fazia esse post ou não, porque... eu não provei muitas coisas nesse lugar. Pra ser sincera, apesar deu sempre variar entre o hot chocolate normal e o hot chocolate super cremoso, eu sempre acabo comendo o canolo de custard. Não tenho coragem de desperdiçar a oportunidade de comer um negócio gostoso desse, de verdade!

Mas vamos por partes: o local, apesar de apertadinho, tem um clima super gostoso e você se sente de fato na Itália, já que só ouve os funcionários conversando na língua mais linda do mundo em italiano. Além disso, essa "falta de espaço" acaba deixando o ambiente mais aconchegante - fora que a decoração é uma gracinha! Ele fica num subsolo, então é até fácil passar batido por esse lugar.





No menu há diversas bebidas quentes, como vários tipos de café, e claro, o chocolate quente que mencionei lá em cima. Uma dessas variações é uma bebida super mega cremosa, que mais parece uma ganache quente derretida do que um chocolate quente. De beber agradecendo a vida!

Eles também tem uma super variedades de paninis e coisas salgadas, mas o que enche os olhos mesmo são os doces e tortas - tem tudo que você imaginar e todos tem uma cara deliciosa.



No entanto, a estrela do show é sem dúvida alguma o tal do cannolo. Esse é um doce tipicamente siciliano, um tubinho de massa frita recheado. Já comi vários na vida, inclusive sempre comia no café da escola onde estudei italiano em 2012 (em São Paulo), mas nenhum chegou aos pés do cannolo do Dolce Sicily, sério. Eles tem três tipos de recheio: chocolate, ricota e custard (um creme doce amarelado). Ele é bem servido e vem com algumas frutas por cima. Eles montam tudo na hora e ele é fresquinho, sabe? A massa, o creme e as frutas.

Eu fico até triste quando vou lá, porque não quero que o cannolo acabe. Sei que pode parecer conversa de gordinha louca, mas sério, você se transporta pra um outro mundo quando come aquele negócio. É tão bom, mas tão bom, que já levei vários amigos lá pra prová-lo e garantir que não estou louca.




Se você mora aqui em Dublin e ainda não comeu essa maravilha, sério, vá agora! AGORA! Não se arrependerá.

ps.: Um agradecimento à M., minha amiga argentino-italiana que me apresentou à essa joia escondida na Dawson St.!
Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top