João Pessoa [2/2] Um passeio pelo litoral

/

No nosso segundo dia em João Pessoa, acordamos cedo pra tomar café e às 08h o nosso guia, Rafael, já estava na porta no hotel nos esperando para o passeio de buggy pelo litoral sul. Eu já tinha feito esse tipo de passeio de buggy outras vezes no litoral nordestino, então não tinha grandes expectativas, mas de ver o tanto que o R. adorou acabei me contagiando também!

Todas as praias por onde o buggy passa ficam no município do Conde e são lindíssimas! Claro que não é um tipo de passeio ideal, porque você acaba fazendo algumas paradas muito rápidas apenas pra fotos, mas como éramos só eu e o R., tivemos uma certa flexibilidade em pedir pra ficar mais um pouco em uma e coisa e tal. O valor total foi de 130 reais por pessoa, o que achei super ok (em Natal pagamos 400 reais no buggy para eu, minha mãe e irmão, para breve comparação).

A primeira parada foi na Barra do Gramame, onde rio e mar se encontram. Eram pouco mais de 9 da manhã e o sol estava extremamente quente - e como no dia anterior o R. tinha se queimado um pouco, ficamos debaixo do guarda-sol tomando uma água de coco e demos umas voltinhas rápidas pra tirar foto. A areia tava tão quente que fiquei sem coragem de andar demais!

barra do gramame



barra do gramame

barra do gramame


De lá seguimos pra Praia do Amor, uma praia lindíssima, com uma água verdinha linda e algumas falésias. Lá só fizemos fotos - segundo o guia, a praia tem esse nome pois há um arco feito por um buraco numa rocha que concede ao casal que passar por debaixo dele de mãos dadas, amor eterno. O guia disse que isso é uma lenda indígena, mas honestamente, tava mais com cara de história pra enganar turista. De qualquer forma, o lugar era lindo e passamos por debaixo do arco, só pra garantir! hahaha

praia do amor




Nesse trecho o guia passou com o buggy na areia da praia e subiu um morro que fez meu coração parar por um segundo - em Natal, no Rio Grande do Norte, passamos por uma situação do buggy quase virar que me deixou meio apreensiva, sabe? O R. vibrou e se divertiu, então tá valendo! O guia passou por uma mata mais fechada onde pudemos ver diversos tipos de pássaros e plantas, o que foi super bacana e deu pra refrescar um pouco, já que a área era bem coberta por árvores e portanto, fresquinha.




passeio de buggy litoral paraiba




De lá fizemos uma parada mais longa na praia de Coqueirinho, considerada uma das mais bonitas do Brasil. E com razão! Antes de chegar até lá, no entanto, o guia parou num ponto estratégico chamado Mirante Dedo de Deus onde é possível ter uma visão privilegiada de Coqueirinho lá em baixo!

Ficamos nessa praia por umas 4 horas. A praia é bem sossegada, a água tranquila e me pareceu muito seguro - deixamos nossas coisas (câmera, celular, etc.) nas cadeiras de praia e foi de boa! O único problema é que o guarda-sol foi caro, assim como o refri e batata frita que pedimos. Praia no nordeste é assim mesmo, não tem jeito!

coqueirinho paraiba


coqueirinho


Depois subimos pra outra parte, onde há mais opções de restaurantes de verdade, chuveiro, etc. e almoçamos um arroz com macaxeira e um peixe chamado meca que estava uma delícia! Foi uma ótima parada pra descansar, nadar e comer bem!

Eu achava que essa teria sido a última parada do dia, mas a Paraíba ainda nos reservava uma deliciosa surpresa: a praia de Tambaba. Mas antes deu falar sobre Tambaba, flashback pra uma conversa que tive com o R. durante o almoço uns 30 minutos antes:

- R., tem uma praia nudista aqui na Paraíba, sabia? Acho que é em João Pessoa, mas não tenho certeza. Você toparia ir?
- I'm game if you're game.
- Perfeito, porque eu só vou se você for também! hahaha. Quando chegarmos no hotel à noite a gente pesquisa pra ver onde é e vai amanhã, beleza?
- Deal.

Pois bem. Quando o buggy parou em Tambaba, o guia foi logo avisando: essa praia é dividida em duas: a parte A e a parte B. A parte B é naturista, a parte A é aberta à todos.

Nossas caras foram no chão. A praia nudista estava ali, era lá! Não tivemos muito tempo de digerir a ideia, mas decidimos que queríamos ter essa experiência. Passamos pela parte A, tiramos umas fotos (a praia é lindíssima!) e seguimos pra parte B, onde há uma placa com algumas explicações e uma pessoa que tira suas dúvidas. Ah também uma escadaria, então não é possível ver nada da parte naturista, a não ser que você suba a escadaria, ande um pouco e desça do outro lado.

tambaba paraiba


tambaba paraiba


tambaba paraiba


Não sei o que me deu pra topar isso, porque geralmente sou super envergonhada pra tirar a roupa na frente de qualquer um, mas cara, não é que amei a experiência? A praia não estava cheia, o que ajudou um pouco, mas de verdade, a sensação de ficar totalmente nu na praia foi maravilhosa. Eu e o R. ríamos igual crianças, entramos na água correndo e ficamos nos divertindo horrores com as ondas. É uma sensação de liberdade, de pertencimento ao mundo, não sei explicar. Acho muito brega esses papos de conexão com a natureza, mas de verdade, você se sente muito conectado ao mar, à areia, ao planeta. Eu amei, o R. amou, e já queremos repetir a experiência!!!

De Tambaba voltamos pro hotel, esgotados, porém extremamente felizes e satisfeitos. Esse passeio pelo litoral sul vale muito a pena e enriqueceu muito a nossa viagem!
Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top