Mini-férias em Fortaleza: continuando...

/

Esse post é uma continuação do meu pequeno relato sobre os 4 dias que passei em Fortaleza. Para ler o primeiro, clique aqui.

No meu terceiro dia de Ceará fomos conhecer algumas praias.


Pra ser sincera, de praia famosa eu só havia ouvido falar em Jericoacoara, mas é longe de Fortaleza e não compensaria ir e voltar no mesmo dia. Sendo assim, o Ney acabou fechando um pacote com uma empresa que promove esse tipo de tour, o nome da empresa é Enseada. O Ney, como local, conseguiu um "descontinho" e saiu 40 reais pra cada um. Acredito que o preço varia pela sua cara/sotaque, pois um casal gaúcho que foi conosco na van pagou 60 cada um.


A van passa nos hotéis pegando as pessoas entre 7:00 e 7:30.


Nesse passeio específico, conheceríamos 3 praias: Morro Branco, Praia das Fontes e Canoa Quebrada.



Morro Branco é sensacional. É lá que está o Parque Nacional das Falésias, essas formações rochosas de cor alaranjada em frente à praia. Havia a opção de fazer esse passeio + andar de buggy pela praia até uma gruta e a Lagoa de Uruaú, mas como já andei de buggy nas férias passadas em Natal (RN) e não estou exatamente esbanjando dinheiro, optamos por conhecer as falésias e terminar o passeio com a caminhada pela praia.



O guia que nos acompanhou era bem divertido e bom fotográfo - dizia ele que tirava foto com barriga e sem barriga! Fiquei "meio assim" porque minha câmera é uma Nikon grandona, pesada, mas ele foi logo se oferecendo pra me fotografar e já foi mexendo na câmera na maior intimidade. O cara faz isso todo dia, é óbvio que ele manja disso.


As falésias são realmente lindas, lembram de longe aqueles cânions americanos. É por lá inclusive que eles fazem aqueles artesanatos de areia colorida na garrafa, muito interessante!



falésias no ceará










Após caminhar pelo labirinto das areias coloridas, passeamos na beira da praia: de um lado, um lindo mar;  do outro, a falésia. Ô terra bonita!




Depois de Morro Branco, passamos na Praia das Fontes pra tirar foto. Essa parte do passeio é meio furada porque o visual é exatamente igual à Morro Branco, praticamente uma continuação de lá. E seguimos viagem pra Canoa Quebrada!


Canoa Quebrada tem uma estrutura turística melhor, várias barracas e restaurantes legais. Pegamos uma mesa na beira de praia e almoçamos um peixe com alcaparras, arroz e paçoca (que eles chamam de paçoca mas pra nós paulistanos é uma farofa). Apreciamos a vista, tomamos banho de mar e voltamos pra "casa" no fim da tarde.






O caminho de volta tem história pra contar...
Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top