A bolsa de estudos e o (finalmente) mestrado

/

Em setembro do ano passado eu fiz um post intitulado "Mestrado?", assim com a interrogação. O motivo da pergunta era que apesar deu estar começando um curso de nível 9 no sistema irlandês, que é o mesmo de um mestrado, eu não sairia exatamente com um diploma de mestrado.

Por conta de diferenças absurdas de preço, eu decidi por fazer o Graduate Diploma, que basicamente seria o mesmo curso que o mestrado, mas sem a dissertação final, que equivale à 90 créditos. Nesse post aqui o Rick explica direitinho como funcionam os cursos aqui, os créditos e tal. Então no fim eu teria um curso de nível 9, mas não teria um diploma de mestrado propriamente dito, já que só faria 60 créditos no total.



Pois bem. Um pouco menos de um mês depois de começar as aulas, a professora R., que também era coordenadora do curso, me chamou pra uma reunião um dia antes de aula. Na época estranhei, porque não haveria motivo pra ela me chamar assim, mas fui toda curiosa.

Para a minha surpresa, a primeira pergunta feita por ela foi o porquê deu não estar registrada no mestrado, do porquê não faria a dissertação. Expliquei que os fatores eram puramente financeiros e que se eu pudesse, faria o curso completo, mas a diferença de valor era muito grande do graduate diploma pro master's completo.

Aí ela vem com a seguinte pergunta: se você pudesse fazer o mestrado completo, você faria?



Oxeeee, mas é claaaaaro que eu faria!

Ela me elogiou, disse que minhas participações na aula eram muito insightful, que eu era uma excelente aluna, blá blá blá, e que seria um desperdício eu não fazer a tese!

Foi aí que a professora R. me alertou sobre a possibilidade de pleitear uma bolsa pra mim. Essa bolsa pagaria o restante do valor do curso - ou seja, a diferença de preço entre o graduate (que já foi caro pra cacete) e o MA completo. Ela me disse que não poderia prometer nada, que talvez poderia conseguir somente parte do valor, mas queria ter certeza de que eu estava segura pra fazê-lo caso a bolsa desse certo.

Dei a minha palavra, agradeci com lágrimas nos olhos e segui a vida.

Os meses foram passando e toda vez que eu perguntava pra ela se havia alguma novidade a respeito da bolsa, ela dizia que estava encaminhado, que os diretores acima dela estavam em fase de transição, que mudanças estavam acontecendo no departamento e blá blá blá.

Chegou o segundo semestre do curso em 2016 e eu ainda não sabia se faria a tese ou não. Uma das disciplinas do curso era justamente Researching TESOL, que era uma preparação para a tese. Eu estava num misto de frustração e curiosidade, porque se a bolsa não saísse, eu teria que "preparar" uma tese - pelo menos o pré-projeto dela - do mesmo jeito.

Quando foi lá pra fevereiro, R. me garantiu que a bolsa sairia e que eu poderia me dedicar à tese normalmente.

Passou fevereiro todo, março... e quando foi no fim de abril, com duas semanas pras aulas acabarem, R. marca uma reunião comigo em sua sala pra me dar a notícia: a bolsa iria sair! Agradeci, chorei, ela me abraçou e também chorou... foi aquela coisa. Na época ela disse que ainda havia algumas burocracias pra serem resolvidas, mas que em breve eu seria atualizada no sistema como aluna de mestrado.



Tudo isso só aconteceu, acredito eu, porque ela mesma se tornou a diretora de toooodo o departamento além do curso de mestrado, então ela tinha muito mais poderes pra tomar esse tipo de decisão!

Pois bem. Eu passei maio, junho e julho focada na tese, fazendo minha pesquisa, coleta de dados, escrevendo horrores.... não foi fácil. Não é um bicho de 7 cabeças, mas é super trabalhoso e consome um tempo desgraçado!

Mas como nem tudo são flores, nada do meu status ser atualizado no sistema da universidade. Perguntei pra ela algumas vezes, que me garantiu que era questão de semanas, que eu seria upgraded, que não-sei-o-quê.

A data de entrega foi chegando e fiquei sabendo que não precisaríamos fazer o upload de nada pelo sistema - entregaríamos cópias físicas e uma eletrônica via email, então eu não precisaria estar upgraded no sistema. Mesmo assim, fui atrás pra saber se eu poderia mesmo entregar a tese mesmo ainda não constando como aluna de mestrado no sistema. E aí descobri que não.

Foi quando mandei um email pra ela desesperaaaaada, dizendo que eu havia descoberto que de acordo com a política da UCD, eu não poderia entregar a dissertação sem estar com a situação financeira totalmente regularizada no sistema da universidade. Ela me disse que tentaria resolver, mas nisso só faltavam alguns dias pra entrega da tese...

... e ontem, dia 28 de julho, faltando 6 dias pra eu entregar a bendita da tese, a bolsa saiu!!!

Algumas pessoas já sabiam da bolsa, mas eu não tinha contado "pro mundo" (vide no blog) pois não era uma certezaaaa, né? Como o dinheiro foi transferido pro sistema e tá tudo direitinho, agora posso compartilhar com todos: dia 3 de agosto entrego a minha tese de mestrado e terminarei esse ano com essa qualificação no currículo - fala se não é motivo pra comemorar?!

Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top