3 coisas imperdíveis em São Paulo

/

Nessas férias em São Paulo acabamos ficando bastante em casa, relaxamos, vimos TV e coisa e tal. No entanto, R. e eu acabamos dando umas saidinhas pra encontrar amigos e eu não poderia deixar de falar de três lugares em específico que foram extremamente agradáveis!

1º - Museu da Língua Portuguesa

Acho que já fui nesse museu umas 4 vezes, sério! Nunca me canso de ver os computadores com as listas de palavras derivadas de línguas indígenas, espanhol, italiano; de assistir o vídeo de introdução com a narração da Fernanda Montenegro; de aprender mais sobre as origens e desenvolvimento da língua portuguesa. A verdade é que esse museu é um grande achado na cidade - pelo preço, localização e conteúdo (eu ainda amo o Museu do Ipiranga, mas ele está fechado e ficará por um bom tempo, o que é uma pena!).

Dessa vez, estive acompanhada de duas amigas que moraram comigo aqui em Dublin e agora já estão em suas casas no Brasil - uma no estado de SP e outra em Minas! Foi maravilhoso (e um pouco estranho) revê-las, dessa vez na minha terra-natal. Almoçamos pela Paulista e pegamos o metrô linha amarela pra chegar na estação da Luz, onde fica o museu.


Havia uma exposição temporária sobre cartoons e tirinhas divertidas - o que foi bacana, porque muita coisa era só ilustração e outras estavam até em inglês, o que facilitou pro R.



Quando fomos pro andar principal do museu, ficou mais difícil pro meu irlandês acompanhar. Não há nenhuma placa, explicação, nada nada nada em inglês. O jeito foi contar com o conhecimento e habilidade dele de leitura em português e uma ou outra intervenção minha pra traduzir algumas coisas. Poxa galera, um museu desse calibre tinha que ter informação pra gringo, não?

A parte final da visita, quando eles fazem uma apresentação audiovisual foi a mais "perdida" pro R., já que eles recitam poemas e fazem referências à coisas que ele não sabia e nem entendia. Quem sabe voltamos quando o português dele estiver melhor, né?



2º - Sorveteria Alaska

A sorveteria Alaska me foi apresentada pela minha amiga Lê. Eles estão no mercado há mais de 100 anos (!) e tem aquela vibe de sorveteria do interior, sabe? É um clima bem gostoso e tranquilo.

Já fui lá várias vezes e provei diversos sorvetes, mas dessa vez acabei exagerando - pela foto no cardápio você não acha que ele vai ser gigante, mas meu, até precisei de ajuda pra terminar. É tudo delicioso (a textura do sorvete é demais! yum yum), mas haja espaço pra comer tudo! hahaha

Os preços são salgadinhos, mas vale a pena, MESMO!



3º - Museu da Casa Brasileira

Eu nunca tinha ouvido falar desse lugar, quando (de novo) a Lê nos convidou pra conhecer. Ele fica na Faria Lima e é um museu que exibe diversos tipos de móveis e objetos que fazem e/ou fizeram parte de... casas brasileiras! Confesso que achei a ideia bem interessante pois nunca vi nada parecido no Brasil. A entrada custou 6 reais e dá acesso também aos jardins de trás - que estavam meio ocupados com algumas mesas e cadeiras pra um evento que aconteceria ali mais tarde.

museu da casa brasileira


Infelizmente várias das salas do museu estavam sendo reformadas, o que acabou deixando a gente com pouca coisa pra ver: foram somente umas duas salas grandes e uma outra parte que exibia uma exposição temporária sobre o Carandiru.



Se eu puder voltar lá pra ver o museu completo, certamente voltarei. É bem legal! E o jardim também é lindo!

Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top