Primeiras impressões: Tailândia

/

Eu tô enroladíssima pra falar dessa viagem pra Ásia. Tenho trabalhado muito nos últimos dias e muita coisa acumulando pra fazer - tanto na vida pessoal como profissional. Amo o blog, amo escrever aqui, amo interagir na internet, mas tenho deixado isso de lado por enquanto, mas sempre com aquela vozinha na cabeça gritando "atualiza o blog"!

Na verdade, eu já escrevi uns 6 posts da viagem, mas comecei escrevendo sobre Hong Kong que foi nossa última parada, já que estava mais fresco na cabeça. Mas por algum motivo desconhecido, não quero começar a postar do final #vaientender. Pra completar, como um dos meus cartões de memória parou de funcionar na viagem e preciso levar em algum lugar pra recuperar os arquivos, não começarei os relatos de viagem em ordem cronológica exatamente como aconteceu porque as fotos dos dois primeiros países - Malásia e Singapura - estão inacessíveis por enquanto.

Quanta enrolação!

Enfim, resolvi pular a Malásia e Singapura enquanto não recupero os arquivos e parti pra um queridinho de muita gente que visita o sudeste asiático: Tailândia.

tailandia sudeste asiatico





Nós basicamente visitamos três lugares diferentes do país: a capital, Bangkok, Phuket e Ayutthaya. Começamos por 4 dias em Phuket, voamos pro Myanmar e depois voltamos pra Tailândia pra mais 5 dias, totalizando 9 dias no país. Claro que nessa conta toda tem que incluir que alguns desses dias foram praticamente todo perdidos com idas e chegadas de aeroporto e tal.

Já foi dando um spoiler, caso você não tenha tempo/saco pra ler o post todo,  mas nós não amamos a Tailândia não. Mas não que não tenhamos gostado, veja bem - a Tailândia é um país riquíssimo culturalmente, culinária deliciosa, massagens incríveis, templos lindos, praias paradisíacas, massss no esquema geral da coisa, ainda mais comparando aos outros lugares para onde fomos na Ásia, a Tailândia empalideceu muito.

Mas não é culpa da Tailândia não (it's not you, it's me, risos). A verdade é que acho que o turismo naquele país está absolutamente saturado. Ninguém lá aguenta mais turista, pelo menos foi essa a nossa sensação. Não os culpo - sei que muita gente procura a Tailândia em busca de festa, bebida, drogas e sexo barato. E isso é um assunto que talvez eu fale mais a respeito num futuro, mas vamos focar nas minhas impressões gerais senão não acabo esse post nunca!

Phuket


Foi um saco decidir qual praia/praias visitaríamos na Tailândia porque são muitas. Então lendo nosso guia, pesquisando blogs na internet, conversando com amigos que já tinham ido, ficamos entre fazer uma base em Phuket ou Krabi. E você encontra tanto gente falando bem de uma quanto de outra, e no fim das contas, foi tudo um much of a muchness. Entre os motivos todos, escolhemos Phuket porque rolaria um voo de lá pra Myanmar, encaixava melhor no roteiro e pronto.






Além disso, já sabíamos que não ficaríamos indo de ilha em ilha, pegando barco de 1h pra ir em determinados lugares. Primeiro porque queríamos esses dias por lá pra ficar quietinhos, ir na praia, mas sem ter que passar por esse rolê todo. Segundo que eu não sou a maior fã de barcos e nem eu nem o R. estávamos a fim de enfrentar multidões só pra ver uma praia maravilhosa.

No fim, gostamos de Phuket, mas fui embora com um gosto meio amargo na boca, com a sensação de que já fui pra praias mais incríveis no meu Brasil brasileiro.

Bangkok


Eu imaginava Bangkok como uma cidade mega caótica, suja, cheia de vendedor ambulante... e sim, tem tudo isso. Mas na maior parte do tempo, Bangkok é uma grande capital, e aliás, parecidíssima com a capital de onde eu vim, São Paulo. Então vimos trânsito intenso, viadutos, shoppings... nada demais, sabe? Claro que tem aquele vuco-vuco, aquela coisa mais intensa que é particular da Ásia, mas não nos apaixonamos pela capital tailandesa não.



Havíamos separado bastante tempo pra Bangkok justamente pra descansar, não fazer muita coisa, e pra isso, serviu muito estar lá porque tínhamos acesso à shopping, restaurantes baratinhos, tudo bem tranquilo, mas não gostamos, e no fim das contas, estávamos arrependidos de ter ficado lá tanto tempo. Mas tudo bem também, porque em um dos dias na cidade fizemos um bate-e-volta para...

...Ayutthaya


Ayutthaya é a antiga capital da Tailândia e hoje abriga as ruínas de templos e construções gigantes e maravilhosas. É um lugar incrível, mas as informações que lemos estavam equivocadas. Esperávamos uma coisa (bate-e-volta rapidinho) e no fim, levamos mais tempo indo e vindo do que curtindo o lugar. Mas beleza, faz parte também - pelo menos as ruínas em si não estavam bombando de gente, conseguimos apreciar as coisas com calma e ficamos satisfeitos, apesar de um pouco frustrados.





Sei que no fim parece que não gostamos muito de lá, mas seria mentira - tivemos momentos memoráveis nesse país (acho que farei um post só sobre a massagem tailandesa, hahaha), comida bem gostosa, ficamos embasbacados com o Buda reclinado, mas quando lembro da Tailândia de maneira geral, não posso recomendar com fervor, principalmente diante de outros lugares menos saturados e mais "intocados" que visitamos na Ásia.

Quero começar a falar sobre o que fizemos em cada um desses lugares na Tailândia, mas ainda não sei se primeiro postarei esses posts tipo "primeiras impressões" ou se disseco um lugar por vez. O que acham?
Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top