Filmes irlandeses #1 - Sing Street (que já é um dos meus preferidos da vida)

/

É oficial. Agora esse blog terá uma sessão de filmes irlandeses porque... são tantos! Eu tenho dois posts aqui no Barbaridades onde falo sobre filmes da Irlanda:

Filmes irlandeses legais


Filmes irlandeses e esteriótipos


Massss eu já vi muitos outros filmes que mereciam ser mencionados aqui no blog e eu juntei a vontade de escrever com a de ver filmes. Aliás, a vontade só aumentou quando fui conferir "Sing Street" na semana passada.

"Sing Street" é um filme dirigido por John Carney, o mesmo de "Once" (o meu filme irlandês preferido!) e de "Begin Again" (que não é irlandês, mas que amo também). Ele foi lançado esse ano, no festival de Sundance (e ovacionado, inclusive!).

A história se passa na capital irlandesa, Dublin, em 1985 e gira em torno de Conor, um menino de 15 anos que inventa que tem uma banda para impressionar uma garota e se vê tendo que levar a ideia adiante. Mas obviamente esse filme é muito mais do que um adolescente querendo ficar com uma linda garota, como você já pode imaginar.




Contexto histórico


Nos anos 80 a Irlanda passava por uma recessão e muitos jovens deixavam o país em busca de melhores oportunidades - tanto em Nova York como em Londres. A garota pela qual Conor se apaixona, Raphina, é modelo e sonha em sair de Dublin pra conseguir empregos melhores no Reino Unido.

Conor tem um irmão mais velho e uma irmã e seus pais passam 90% do filme brigando por conta de problemas financeiros e conjugais. Por não estarem dando conta de pagar a casa onde moram e todas as contas, resolvem cortar gastos e mandar Conor para uma escola pública. Ele acaba indo para a Synge Street CBS, uma escola católica no estilo "Christian brothers".

Já dá pra imaginar como foi essa mudança de escola, né? E já dá pra imaginar como era uma escola católica nos anos 80 NA IRLANDA, né? Ok.

Personagens


Os atores jovens são todos meio desconhecidos, mas muito bons. O menino que interpreta Conor, Ferdia Walsh-Peelo é uma graça e se mostrou uma bela surpresa. Raphina, interpretada por Lucy Boynton, também caiu como uma luva no papel.

Há nomes e rostos conhecidos de muita gente também: os pais de Conor são interpretados por Aiden Gillen (o Mindinho de Game of Thrones!) e Maria Doyle Kennedy (a Siobhan de Orphan Black!). Além disso, o ator que interpreta o irmão mais velho é Jack Reynor, que aparece em Transformers e Macbeth.

A galera que Conor acaba encontrando pra fazer parte da banda traz um monte de moleques diferentes e engraçados: um deles inclusive me lembrou muito o The Edge (U2) mais novo - será que foi proposital?



Trilha sonora e canções próprias


A minha parte preferida do filme, foi sem dúvida, a trilha sonora. Primeiro porque o filme tem uma trilha composta por grandes nomes e bandas dos anos 80, como Duran Duran e The Cure. E eu amo música dos anos 80. Segundo porque esse é aquele tipo de filme que mostra os personagens escrevendo canções, criando música. E eu amo filme que mostra gente fazendo música.

Ao longo dos pouco mais de 100 minutos do filme, os meninos vão escrevendo canções guiados por bandas que estão ouvindo no momento. Então depois de assistirem o clipe de "Rio" de Duran Duran na TV, Conor e sua banda acaba fazendo uma música que soa bem parecida. Depois, quando seu irmão mais velho o apresenta Hall & Oates, eles fazem uma música parecida. E assim vai. É muito legal porque as músicas que eles criam vão melhorando ao longo do filme e você vai ficando cada vez mais envolvido e torcendo por eles.



Não vou dizer muito mais pra não estragar a surpresa, mas só digo que ainda tem A-ha, The Jam e outros na trilha sonora. É muito boa! Inclusive, comprei as músicas pelo Itunes e fico ouvindo em looping eterno - tanto essas clássicas como as músicas originais do filme, que são muito boas também!

Sing Street é um filme leve, nostálgico, doce e divertido. Você sai do cinema se sentindo feliz, apesar dos momentos agridoces ao longo da projeção. Vale a pena, principalmente se você é fã dos anos 80 como eu.

Trailer aqui: http://www.imdb.com/title/tt3544112/

Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top