Uma viagem sem fim até a Transilvânia

/

Dizem que o que importa é a jornada, e não o destino final, não é? E olha, vou te dizer uma coisa: nunca viajamos tanto, tão longe, pra visitar um lugar. Quer dizer, ter ido até a vila do Papai Noel ano passado foi num esquema parecido de mil transportes até chegar, mas essa na Romênia foi bem menos confortável.

Tudo começou com o simples fato de que queríamos muito visitar Bran, onde fica o "castelo do Drácula". E entre aspas porque o castelo tem pouca relação com o cara, mas depois a gente fala disso. A questão é que até existem passeios guiados pra lá, mas é tudo bem caro. Claro que fazendo o passeio guiado você vai num carro confortável, tem guia explicando tudo... mas não estávamos a fim de pagar 80, 100 euros numa brincadeira dessa. Ainda mais se havia a possibilidade de ir por conta!

Então lá vai a Bárbara e o R. procurar sobre como ir pra Bran de transporte público. Algumas pessoas ensinam em fóruns do Trip Advisor e nós anotamos tudo. Onde pega o trem, onde pega o ônibus, onde desce... compramos as passagens de trem online uma semana antes e estávamos munidos de nossas anotações.


castelo bran romenia inverno



castelo bran romenia inverno


Mas aí uns dias antes de irmos minha amiga Carol deu uma dica de um colega dela da Romênia: use Uber por lá e não pegue táxi de jeito nenhum! E cara, essa dica salvou o fim-de-semana. É realmente muito raro pegarmos táxi quando viajamos, mas usamos tanto o Uber por lá e foi super baratinho. Mas isso fica pra outro post também.

A verdade é que no fim das contas, o trajeto até chegar na Transilvânia foi o seguinte:

Uber do hotel até a estação Gara Nord (coisa de 10 minutos)
Trem de Bucareste até Brasov (quase 3 horas)
Uber da estação de trem de Brasov até uma das estações de ônibus (10 minutos)
Ônibus de Brasov até Bran (uns 45 minutos)

Foi um rolê - isso sem contar tempo de espera de ônibus e coisa e tal. Mas chegamos em Bran!

Bran é uma vilazinha de aproximadamente 5 mil habitantes na região de Brasov conhecida basicamente pelo seu castelo, que fica na borda da região da Transilvânia com a Valáquia.


castelo bran romenia inverno

castelo bran romenia inverno


Apesar do castelo ter pouquíssima conexão com Vlad, personagem que teria inspirado Bram Stoker a escrever "Drácula", foi legal visitá-lo. Descobrimos que na verdade, o castelo foi residência da Família Real Romena e o lugar preferido da Rainha Maria, neta da Rainha Vitória (aquela mesma que foi rainha da Inglaterra por 63 anos).

O castelo por fora se encaixa na descrição que o autor irlandês criou para a possível morada do vampiro mais famoso do mundo, masss estudiosos dizem que o castelo original, que inspirou Bram Stocker mesmo, fica em outro lugar da Romênia.

Mesmo assim, gostamos muito de visitar o castelo. Em cada sala há informações sobre a família real romena mas também sobre Bram Stocker, quem teria sido o tal de Vlad, lendas sobre vampiros, etc...

castelo bran romenia inverno


castelo bran romenia inverno


E falando em Vlad, quem foi o tal empalador que inspirou o personagem do Drácula? Bem, Vlad foi príncipe da Valáquia e é famoso por ter sido um cara cruel, que se inspirou em outras formas de tortura pra personalizar o empalamento de suas vítimas. Então as histórias iam se espalhando e não é difícil imaginar que elas foram se desenrolando pra descrever atos de beber sangue de suas vítimas, etc. A verdade é que Vlad Tepes acabou sendo morto e há varias teorias para sua morte - uma delas é que ele tenha sido assassinado pelos otomanos. Ele foi decapitado e sua cabeça enviada à Constantinopla.

Já a origem do nome tem duas teorias: uma é de que em irlandês, "Drac Ullah" é traduzido como "bad blood", sangue ruim. Outra é de que o nome é baseado no sobrenome de Vlad significando "filho de Dracul".

A história toda é muito fascinante e por isso valeu a pena estar lá, no castelo que representa essa parte da lenda romena e um personagem tão icônico!

Bran é uma vilazinha fofa mas não tem nada pra fazer lá não. Então eu não indico passar tantas horas pegando trens e ônibus pra chegar até lá, a não ser que você vá conhecer outras vilas fofas na região. Aliás, muitos dos passeios que vimos sendo vendidos também fazem uma parada em Sinaia para visitar o castelo de Peles - que queríamos muito visitar, mas uma rápida pesquisa uns dias antes de irmos nos indicou que o castelo estaria fechado pro inverno, então perdemos a chance de conhecer!


castelo bran romenia inverno

castelo bran romenia inverno

castelo bran romenia inverno

castelo bran romenia inverno


Web Analytics

@blog_barbaridades

Back to Top